5/2/2016
Venezuela: levantemos uma agenda do povo trabalhador frente ao desastre nacional.
O mês de janeiro iniciou com uma terrível escassez que já supera a de 2015. A inflação avança impiedosamente e sem misericórdia, destruindo o salário dos trabalhadores. Em Carabobo, tanto em empresas públicas como nas privadas, já se contabiliza mais de 7 mil demitidos, 5 mil em Sucre, outros milhares em Lara e em todo o país. E assim os empresários, com apoio do governo, tratam de recompensar sua[...]
5/2/2016
Haiti: rebelião popular obriga a suspender eleições fraudulentas. Abaixo o governo de Martelly!
Fora as tropas ianques e dos governos servis da MINUSTAH
Mobilizações populares massivas no Haiti impediram, pela terceira vez, a realização do segundo turno eleitoral. Durante várias semanas, estudantes, jovens de bairros pobres, trabalhadores enfrentaram a repressão policial, queimaram seções eleitorais, bloquearam rotas e encheram as ruas em protesto. Obrigaram assim a suspender um processo eleitoral fraudulento, organizado pelo presidente Michel Mar[...]
1/2/2016
Tunísia: A juventude defende sua revolução
TUNISÍA | Um jovem com curso superior num protesto... se matou... Os que escutam estas palavras logo em seguida lembram de Mohammad Bouazizi, um jovem também formado na Universidade que se pôs fogo num protesto em 17 de dezembro de 2010, convertendo-se no estopim da revolução tanto em seu país, como em toda região árabe... As massas que saíram às ruas reivindicando trabalho, pão e liberdade conqui[...]
7/1/2016
R$3,80 é um assalto! Ocupar as ruas contra o aumento de Paes e Pezão!
O carioca começou 2016 sendo assaltado pela prefeitura da cidade do Rio através do aumento de 11,7% na passagem dos ônibus municipais, passando de R$ 3,40 para R$ 3,80, um reajuste acima do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) que foi de 10,48% nos últimos 12 meses. E mais aumentos virão. No dia 12/02 o preço da passagem das barcas passa de R$5 para R$ 5,60, dos trens de R$3,30 para R$3,70 [...]
6/1/2016
Sartori aprofunda os ataques no final de 2015
O governador Sartori (PMDB) convocou os deputados estaduais para sessão extraordinária no dia 28 de dezembro para apreciação de 31 projetos dos quais 27 foram aprovados - entre eles a extinção da Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (Fundergs), extinção ou privatização da Companhia Estadual de Silos e Armazéns (Cesa) sem realização de plebiscito como previa a Constituição Estadual e um[...]