Edição nº105 do Combate Socialista | Botar o bloco na rua e construir o 8 de março

Capa da Edição 105 do Combate Socialista

O Jornal Combate Socialista está de volta. A primeira edição de 2020 aborda temas internacionais como a greve da França,  a agressão imperialista ao Irã, e de solidariedade as lutas da juventude chilena. No Brasil, abordamos centralmente as tarefas dos trabalhadores e da juventude para construir uma efetiva oposição nas ruas combatendo os projetos da extrema direita de Bolsonaro e Mourão e os planos de ajuste fiscal que atacam conquistas sociais.

Leia o Editorial desta edição: Construir novas manifestações unificadas

As lutas estaduais estão presentes. A recente greve do Rio grande do Sul, a luta contra a militarização das escolas no RJ e as reformas da previdência dos governadores. Para saber mais sobre a reforma realizada no Ceará, nosso jornal entrevistou o companheiro Renato Roseno, deputado estadual do PSOL Ceará.

A presente edição do Combate Socialista esta dedicada ao fortalecimento da construção unitária do 8 de março, realizar fortes calouradas nas universidades, organizar o lançamento das campanhas salariais e concretizar o indicativo de dia de luta sindical de 18 de março.


Confira as matérias dessa nova edição:

# Editorial

Retomar a mobilização unificada 

– Crise da Água no Rio, Mandato do Vereador Babá

# 8 de março 

– Os violadores são Bolsonaro e Guedes

– Justiça para Marielle

# Educação sob ataque: a resposta deve vir das ruas

– Precisamos de um novo Tsunami

– Bolsonaro é ironizado em HQ do Batman

# Em defesa do Porta dos Fundos

– Por uma arte revolucionaria independente

– “Fogo no Bozo! Fogo no Trump”, BayanaSystem

# Educação

– A greve da educação Gaúcha

– Barrar a militarização das escolas

# Reforma da Previdência no Ceará

Entrevista com o deputado Estadual do PSOL, Renato Roseno.

#Páginas Centrais

2020 – Nas ruas contra Bolsonaro

– Reforma administrativa prepara desmanche dos serviços públicos

# As tarefas da CSP-CONLUTAS em 2020

– Fortalecer o sindicalismo de base e garantir a aplicação das resoluções do congresso

– Defender a CSP-CONLUTAS, contra a fragmentação do sindicalismo classista.

# Debate Socialista

– Por que o Lulismo quer reescrever a história das jornadas de junho?

# Congresso do PSOL

– Manifesto por um PSOL de luta, radical e pela base

– De que lado estão os governadores do PT? – A reforma de Helder Barbalho é a mesma de Bolsonaro.

# História

– Lutemos pela independência dos sindicatos

– Os trotskistas brasileiros e a luta contra as direções burocratas

(4* artigo sobre os 80 anos do PSR, seção no Brasil da IV internacional)

#Chile

– Carta de solidariedade aos dirigentes secundaristas, ACES

# Contracapa

– França: “Preferimos perder o natal do que nossas aposentadorias”

– Repudiamos a subserviência pró-imperialista do governo Bolsonaro.


➝ Onde posso adquirir a Edição 105 do CS?

Você pode adquirir nosso jornal com nossos militantes nos eventos de construção do 8 de março, nas reuniões de preparação das calouradas, nas plenárias de organização das campanhas salariais dos servidores federais, dentre outros espaços. Você também pode solicitar enviando mensagens através da página CST, do Vereador Babá, do e-mail combatesocialista@gmail.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *